PUBLICIDADE

Responsive image

Wybson Carvalho

Recanto do Poeta

Analfabetismo Editorial


Há em mim

Uns poemas para o mundo

Condenados  ao desconhecimento profundo

Escondidos

Esquecidos

Sem algum encanto

Ganharam na gaveta do móvel  só o canto

Profundo

Imundo

Quais enterrados à sepultura

Pois lhes fora negada a leitura!


Colunas anteriores

Lucidez embriagada

A toda noite sinto afagos na almaem sonhos mansosa todo diasinto sede na carneem realidade cruelsóbrio é o espíritoébrio é o indivíduo Roda viva À noite agasalho estrelascom o lumiar lunarpara ninar meu sonho Até o despertar do solsem sorriso abertono raiar do dia real ... Aromas à realidade Sou tão pequeno que não chego a ser mínimo, pois, que, se não cabe o meu sonho em mim Que ele venha...
Continuar lendo
Data:03/12/2019 12:52

A Eternidade

- Ela foi encontrada!- Quem? - A eternidade.É o mar misturado ao sol.Minha alma imortal,cumpre a tua juraseja o sol estivalou a noite pura. Pois tu me reliberasdas humanas quimeras,dos anseios vãos!e, assim, tu voas então... Jamais sem esperança,sem movimento, e sem ciência só com a paciência;o suplício é lento. Pois, Que venha a manhã,sem a raiva de satã... Pois, É dever de vosso ardorretornar sempre...
Continuar lendo
Data:25/11/2019 09:46

Afã

É inútil se querer  O amor que não se tem E julgar pérolas do céu Os olhos de um alguém Ser e estar Aquilo que há na alma não precisa ser feito Pois, Já nasce e é Sentimento infindo À luz esterna
Continuar lendo
Data:18/11/2019 10:33

PUBLICIDADE

Responsive image
© Copyright 2007-2019 Noca -
O portal da credibilidade
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pelo Google:
A Política de Privacidade e Termos de serviço são aplicados.
Criado por: Desenvolvido por:
Criado por: Desenvolvido por: